sábado, 14 de novembro de 2009

Quando o pequenino é grande

João sonhou que, ao morrer, foi levado pelos anjos a um belo templo.
Durante muito tempo ele ficou admirando o esplendor daquele local.
Foi então que, de repente, percebeu que faltava uma pedra para completar a construção.
Toda a obra estava concluída com exceção do espaço correspondente a uma pedra.
Dirigindo-se ao Arcanjo Miguel e perguntou: "Por que está faltando uma pedra no templo?"
Aí ele respondeu: "Este é o seu material.
Você ficou o tempo todo tentando fazer coisas grandiosas e nunca terminou nenhuma delas, deixando, assim, de enviar a sua parte na construção do templo."
João ficou muito surpreso e, naquele instante, acordou.
Resolveu que, daquele dia em diante, seria fiel a Deus nas pequenas coisas.
Amados, como João pense bem, nós temos a mania de achar que só as grandes iniciativas e os grandes projetos têm valor diante dos homens.
Queremos ser notados como grandes empreendedores e autores de façanhas que nos proporcionem destaque e notoriedade.
Temos levado esse mesmo pensamento para as nossas igrejas.
Todos nós queremos estar diante dos holofotes.
Não nos contentamos com os cargos menores e, não raras vezes, até saímos da igreja se o nosso nome não for lembrado a uma liderança.
Os servos, que deveriam ser como diz o nome, "servos", querem dar as ordens.
Quando agimos assim, sem humildade e submissão, acabamos recebendo coisas que eu não prefiro falar.
Hei!!! Ainda dá tempo, a maior obra que podemos fazer para Deus é aquela que Ele determinou que fizéssemos, mesmo sendo ela bem pequenina!
Pe. Marcelo Rossi

-------------------------------------------------
Eu diria que isto não só se aplica ao que fazemos na igreja, mas sim, na vida como um todo, façamos a nossa parte em proteger e cuidar dos animais e do planeta, cada qual fazendo a sua parte, podemos mover montanhas, mas se achamos que é muito pouco e acabamos em nada, condenamos este planeta ao verdadeiro caos.
Então, mesmo pouco façamos, pois o "pouco com Deus é muito".


E a Bíbila diz em Isaías 66.3
"O que mata um boi é como o que fere um homem; o que sacrifica um cordeiro, como o que degola um cão..."
Então despertem, ó aqueles que dormem!!!!
Morte é morte, indiferente para Deus, então se alimentem de vida!
Comemorem suas festas com Vida!!!!
Chega de matança!!!

3 comentários:

Gata Lili disse...

Quanta sabedoria. Nós gatos sabemos dar merecida importância para as pequenas coisas! miaaauuu...

Ricardo, Tomé e Manchinhas disse...

Oi, gostámos muito do teu blogue e já somos seguidores. Convidamos-te a visitar o nosso e se gostares podes fazer-te seguidora também. A morada é: http://desabafosemiaus.blogspot.com
Beijinhos e ronrons do Tomé e do Manchinhas!

Lizandra disse...

Adoro os textos do seu blog, são muito bons.